Luz: os preços vão aumentar ou descer em 2020?

Depois das previsões para 2019 serem de uma descida na conta da luz dos consumidores, as previsões para 2020 são menos otimistas. A Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos propôs apenas uma ligeira descida de 0,4% nas tarifas de eletricidade para as famílias em 2020.

Todos os anos podemos verificar alterações nas tarifas de luz para os consumidores. É a ERSE (Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos) que gere os preços da luz na tarifa regulada. Por outro lado, na tarifa livre, os preços relativos à energia são negociados diretamente com as empresas, como a GoldEnergy, Endesa, Galp e EDP. Já no mercado livre, a ERSE fixa os preços referentes ao acesso às redes.

Já existe uma proposta pela ERSE em relação aos preços da eletricidade para 2020. Se em 2019 houve uma redução de 3,5% nas tarifas de eletricidade no mercado regulado de energia, a Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos propôs para 2020 uma redução de 0,4%. A decisão final vai ser conhecida em dezembro e, caso seja aceite, a proposta entrará em vigor a partir de janeiro.

Qual é a diferença entre o mercado regulado e o mercado livre de energia?

Portugal tem, desde 2012, um mercado livre de comercialização de energia. Assim, os consumidores podem escolher se querem optar pelo mercado regulado, que é determinado pela ERSE, ou pelo mercado livre, que é determinado pelas comercializadoras privadas. O nome dado à lei foi de: regime equiparado.

O regime equiparado é aplicado a todos os consumidores de energia de Baixa Tensão Normal (consumidores de pequenos negócio e domésticos). Caso queira optar pelo regime equiparado, ainda o pode fazer. No entanto, terá de mudar para o mercado livre até ao final do ano de 2020.

No mercado liberalizado de eletricidade foi atingido, em outubro de 2018, 5,08 milhões de clientes, representando 94% do consumo total em Portugal.

Se o seu caso for o do mercado regulado, deve conhecer como é que os preços são calculados. É a ERSE que tem o poder de regular, regulamentar, fiscalizar, supervisionar e sancionar nos setores da eletricidade, gás natural e GPL (gás de petróleo liquefeito) em todas as suas áreas. Assim, é a ERSE que tem a tarefa de fixar as tarifas e os preços.

Luz e Gás: Tudo o que precisa de saber sobre os melhores preços.

Em comunicado, a ERSE informou que, para os consumidores no mercado regulado, a variação das tarifas de venda a clientes finais em Baixa Tensão Normal (BTN) proposta é de menos 0,4%. Já os consumidores com tarifa social, vão beneficiar de um desconto de 33,8% sobre as tarifas de venda a clientes finais, como foi estabelecido num despacho do membro do Governo responsável pela área da energia.

Portugal tem a eletricidade mais cara da União Europeia se a comparação de preços for feita em paridades de poder de compra. Os dados são do Eurostat e referem-se ao segundo semestre do ano passado. De acordo com o relatório, 55% da conta da eletricidade paga pelos portugueses diz respeito a taxas e impostos.

Através do gráfico do Pordata podemos perceber que Portugal, em 2018, era um dos países da Europa em que os preços para utilizadores domésticos era mais elevado.

Fonte: Pordata

Como tal, é importante para os portugueses perceber quais são as alturas em que a eletricidade é mais barata e qual é a tarifa mais adequada às suas necessidades de forma a poupar.

Simulador de poupança: no simulador consegue comparar as diferentes tarifas de cada fornecedor.

Quando é que a eletricidade é mais barata?

A eletricidade não tem sempre o mesmo preço. Durante o dia existem ciclos horários, onde uns são de maior consumo e outros onde conseguimos poupar (horas de vazio).

As horas de vazio são ciclos horários e designam as horas noturnas e do fim-de-semana em que os eletrodomésticos de maior consumo de energia elétrica, por exemplo, máquina de lavar roupa e aquecedores, devem ser utilizados com mais frequência.

O cenário ideal será sempre usar estes eletrodomésticos nestes ciclos, porque é onde os preços da luz são mais baixos e, por isso, iria existir uma poupança na fatura da luz no final do mês.

As horas de vazio são horários de consumo que existem tanta na tarifa bi-horária, como na tarifa tri-horária. No entanto, ainda existe uma tarifa simples, onde o preço é fixo independentemente do horário de consumo de energia. O que faz o preço variar é a potência contratada.

Tarifa bi-horária

Hora de vazioHora Fora de Vazio
Das 22:00 às 8:00Das 8:00 às 22:00

A forma mais vantajosa da tarifa bi-horária é que esta esteja adaptada às horas de vazio, ou seja, as horas em que mais se deve utilizar energia elétrica pois os valores são mais baratos e podemos economizar. Se utilizar as melhores horas para o consumo de energia então pode chegar a poupar até 20€ por fatura.

Tarifa tri-horária

Horas de Ponta Horas Cheias Horas de Vazio
Horas onde o preço é maior Horas com um preço médio, mas mais baixo do que o da tarifa simples Horas mais económicas da tarifa

Se a tarifa bi-horária estava dividida em duas partes então esta tarifa está dividida em três. O objetivo desta tarifa é aproveitar ainda mais as horas de menor consumo de forma a poupar.

Horário Inverno Verão
Ponta das 9:00 às 10:30
das 18:00 às 22:30
das 10:30 às 13:00
das 19:30 às 21:00
Cheia das 8:00 às 9:00
das 10:30 às 18:00
das 20:30 às 22:00
das 8:00 às 10:30
das 13:00 às 19:30
das 21:00 às 22:00
Vazio das 22:00 às 8:00 das 22:00 às 8:00

Depois de perceber as diferenças entre as diferentes tarifas de eletricidade deve ter alguns aspetos em conta antes de decidir qual delas deve escolher:

  • As pessoas que residem na casa têm horários relativamente fixos todos os dias?
  • Quais são os períodos de maior consumo de energia?
  • Em que alturas há mais pessoas em casa?
  • Quando é que costuma utilizar os eletrodomésticos de maior consumo energético, como máquinas de lavar e secar e fornos elétricos?

A escolha da melhor tarifa vai depender das respostas a estas perguntas. Caso tenha um consumo de energia normal e homogéneo ao longo do dia, a tarifa adequada será a simples. No entanto, caso seja possível fazer uma gestão dos seus gastos de luz, o importante é consumir mais eletricidade nos períodos da noite, entre as 22 horas e as 8 da manhã, pois é onde a luz é mais barata.

Para saber mais: https://www.comparamais.pt/blog/luz-precos-baixos


Nas contas realizadas pela ERSE apresentadas no dia 15 de outubro, o impacto concreto das variações na fatura dos consumidores vai depender do segmento de consumo. Numa fatura média mensal de 43,9€, a expressão nos orçamentos familiares, após o decréscimo apresentado na proposta de tarifas transitórias de venda a clientes finais, é de 18 cêntimos em 2020.

Por outro lado, para os consumidores com tarifas sociais, a proposta prevê uma descida na fatura mensal de 11 cêntimos, tendo uma fatura média mensal de 27€. Este último valor já tem aplicado o desconto social mensal de 13,81€.

Gás ou elétrico: qual é a melhor opção?

O que é um medidor de energia inteligente?

Os medidores de energia inteligentes são dispositivos eletrónicos utilizados para a aquisição de dados de consumo de energia dos clientes. As empresas têm vindo a substituir os antigos medidores analógicos, que são lidos manualmente todos os mês, pelas novas versões de medidores inteligentes de alta tecnologia. Estes novos medidores capturam de forma automática informações sobre o consumo de eletricidade e transmitem-nas de volta à companhia elétrica.

Os medidores de energia inteligentes fornecem medições rápidas e precisas do uso de eletricidade e, assim, eliminam a necessidade de serem feitas leituras de energia domiciliares ou de contas estimadas.

Quais são os eletrodomésticos que consomem mais energia? Descubra neste artigo

Vantagens para os usuários de eletricidade

  • Mais controlo sobre o uso de energia;
  • Informação mais detalhada;
  • Permite que os consumidores ajustem os seus hábitos para reduzir a conta da eletricidade;
  • Reduz o número de falhas no sistema elétrico.

Vantagens para empresas do setor elétrico:

  • Realiza as leituras de forma mais rápida;
  • É possível usar fontes alternativas de energia de forma mais eficiente;
  • Elimina as leituras manuais mensais;
  • Fornece dados em tempo real que sejam úteis para reduzir interrupções de energia;
  • Permite preços dinâmicos.

Veja também: Quer mudar de fornecedor de energia e não sabe como? Veja o que pode fazer

Está previsto para Portugal uma ligeira descida de 0,4% nas tarifas da eletricidade no mercado regulado de energia. Com estas novas alterações a surgir, a Comparamais dá-lhe a possibilidade de comparar preços de eletricidade para encontrar a tarifa mais indicada para si e os preços mais em conta.

Descubra quais são os preços mais baixos do gás.