Luz e Gás – Cortes de energia regressam em Abril. Saiba como se proteger dos cortes

cortes de eletricidade e gás

A ERSE avisou que, após as proibições associadas à pandemia, os cortes de eletricidade e gás voltam a estar autorizados em abril

Com muitas pessoas em lay-off ou no desemprego durante a pandemia, a ERSE e o governo tomaram medidas para evitar os cortes de energia em casa dos clientes. Algo que, como se percebe, serviu para reduzir o impacto da Covid-19 sobre as famílias. No entanto, agora a realidade está prestes a mudar.

A Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos veio alertar para o regresso dos cortes de eletricidade e gás, algo que volta a ser possível já a partir de 1 de abril. E, recordando que o restabelecimento da ligação tem custos para o cliente, foram ainda deixados alguns conselhos para evitar ficar sem eletricidade em casa.

Porque regressam os cortes de eletricidade e gás?

A proibição dos cortes de eletricidade e gás (bem como as moratórias ao crédito e outros apoios às famílias) surgiram como medidas extraordinárias para combater o impacto da Covid-19. Mas agora, que caminhamos para o regresso à normalidade, estes apoios estão a ser eliminados.

A ERSE recorda, no entanto, que esta medida se aplica de momento apenas a clientes particulares. Ou seja, este alerta dos cortes de abastecimento de energia não se aplica para atividades comerciais ou profissionais.

Tarifa Goldenergy +Cliente Eletricidade & Gás
Energia Renovável Débito Direto Fatura Eletrónica Ganhe mais descontos com a adesão ao débito direto e à fatura eletrónica
Estimativa/ano € 1.173,55
Você poupa/ano € 161,85
Características Principais
  • Poupe com a tarifa de eletricidade e gás Goldenergy mais barata
  • Preço com desconto de 12% pela adesão ao débito direto e fatura eletrónica
  • Outras campanhas: 5% no preço-base; 8,5% na adesão ao débito direto ou à fatura eletrónica
  • Todas as operações podem ser realizadas a partir de casa, na área de cliente
  • Sem fidelização
  • Adesão em apenas 48H, a mais rápida do mercado

Que posso fazer para não cortarem a luz em minha casa?

A ERSE deixou alguns conselhos para que as pessoas com dificuldades económicas não fiquem sem eletricidade por falta de pagamento. Aqui ficam as sugestões:

  • Pedir pagamento a prestações: Entrar em contacto e pedir que a dívida seja parcelada pelas próximas faturas é uma opção que a ERSE deixa. Neste caso a sua fatura de luz e gás vai aumentar, mas deixa de ter pagamentos em atraso e não fica sem abastecimento;
  • Contestar a dívida e pedir arbitragem: Uma outra solução que a ERSE deixa passa, em caso de conflito, por procurar uma solução junto de um centro de arbitragem. Esta é uma solução habitual para resolver reclamações de luz e gás, e que permite obter a intervenção da ERSE para analisar a dívida;
  • Contactar Associações de Apoio ao Cliente: Caso esteja sobreendividado e sem capacidade para pagar as suas faturas de luz e gás em atraso, a ERSE aconselha-o a pedir apoio. Há soluções, como o crédito consolidado, bem como associações de consumidores que ajudam os clientes a baixar o seu grau de endividamento.

Que outras soluções existem?

Uma outra opção passa por tentar mudar de fornecedor de energia, procurando preços mais baixos junto de outra comercializadora de luz e gás. Para isso pode ser exigido o pagamento das dívidas, mas depois vai reduzir o custo mensal das faturas de energia e ficar menos exposto a atrasos nos pagamentos.

Para mudar de empresa de luz e gás, faça primeira a comparação de preços de energia. Apenas dessa forma ficará com a garantia de que poupa, e que tem mesmo as tarifas de energia mais baratas.

Endesa - Plano e-Luz
Débito Direto Fatura Eletrónica ADIRA E POUPE COM A TARIFA DE ELETRICIDADE MAIS BARATA EM PORTUGAL
Estimativa/ano € 906,90
Você poupa/ano € 153,61
Características Principais
  • A tarifa mais barata de eletricidade em Portugal
  • Desconto de 14% na fatura para sempre
  • Desconto aplicado ao custo da eletricidade (preço kWh) e no termo da potência contratada de luz
  • Mudança automática e sem custos
  • Eletricidade 100% proveniente de fontes renováveis
  • Para obter 14% de desconto tem de aderir ao débito direto e fatura eletrónica
  • Contrato sem fidelização

Que regras existem para os cortes de eletricidade e gás?

Caso esteja em incumprimento, não fique alarmado com o regresso dos cortes na energia. Existem regras que devem ser cumpridas, e tem sempre de ser alertado e contar com um prazo para saldar as suas dívidas nas faturas de luz e gás.

Para que a luz seja cortada, é necessário um pré-aviso com 20 dias de antecedência, que aumentam para 30 dias nos clientes com tarifa social. E no caso dos contratos de gás a situação é idêntica. Veja aqui todas as regras e os seus direitos relativamente aos cortes de energia.

Como poupar e evitar faturas exorbitantes

A primeira opção para baixar os gastos com energia e não ficar sem eletricidade e gás é ser mais eficiente nos gastos de energia. Isso passa, por exemplo, por escolher eletrodomésticos com etiqueta energética mais eficiente, garantir um uso mais eficiente da eletricidade e gás em casa e, claro, encontrar preços mais baixos de luz e também as tarifas de gás mais baratas.

Para poupar nas faturas, siga o conselho da ERSE e faça sempre uma comparação de preços de energia no Simulador de Luz e Gás. Dessa forma vai receber, para os seus consumos, uma proposta personalizada com as tarifas de energia mais baratas para si. Aproveite agora, descubra os melhores preços de luz e gás e poupe, para ficar a salvo de cortes de eletricidade e gás.

Endesa - Plano e-Luz & Gás
Débito Direto Fatura Eletrónica ADIRA E POUPE COM A ELETRICIDADE E GÁS MAIS BARATOS EM PORTUGAL
Estimativa/ano € 1.216,31
Você poupa/ano € 119,08
Características Principais
  • Oferta 40€ em voucher Pingo Doce
  • Desconto de 14% na fatura para sempre
  • Desconto aplicado ao custo da eletricidade e gás (preço kWh), no termo da potência contratada de luz e no termo fixo do gás
  • Mudança automática e sem custos
  • Eletricidade 100% proveniente de fontes renováveis
  • Para obter 14% de desconto tem de aderir ao débito direto e fatura eletrónica
  • Contrato sem fidelização
  • Campanha válida para novos clientes até 31 de janeiro.
  • Voucher atribuído 40 dias após a data de ativação do contrato.