Saiba como funcionam os créditos pessoais para obras, mobiliário e renovação da casa

Válter Correia

O crédito obras e mobiliário é um empréstimo online rápido que pode usar para remodelações, renovação ou beneficiação de edifícios. Este crédito serve para projetos de melhoramento em casa, como compra de mobiliário e eletrodomésticos, e também para emergências como ruturas de canos ou problemas com telhados ou sistemas elétricos. O crédito para obras tem várias vantagens, como a versatilidade de prazos e valores e não precisar de fornecer documentos e comprovativos das despesas ou fazer hipotecas e garantias.

Para fazer um crédito obras e mobiliário use sempre o simulador de crédito pessoal, onde pode comparar o valor da prestação e das taxas de juro, que são fixas na maioria dos bancos. Depois de fazer o pedido de crédito pessoal para obras, tem de fornecer ao banco vários documentos para o pedido ser analisado e o banco verificar a sua taxa de esforço, o mapa de responsabilidades de crédito e outros critérios. Quando supera esta análise o crédito para obras é aprovado e o dinheiro fica disponível num prazo máximo de 48 horas na sua conta bancária.

O que é um crédito pessoal para obras e mobiliário?

O crédito pessoal para obras e mobiliário, também conhecido como crédito para o lar e recheio ou crédito para decorações, é um empréstimo rápido online para remodelação, conservação ou beneficiação da casa. O crédito pessoal para obras serve pode ser utilizado para diversos projetos e tem condições diferentes em cada entidade.

Para que despesas posso pedir crédito pessoal para obras e mobiliário?

Pode pedir um crédito pessoal para obras e mobiliário para as seguintes despesas:

  • Obras urgentes nas canalizações e sistema elétrico de casa
  • Pintura e interiores ou exteriores da habitação
  • Recuperação de telhados e outros revestimentos
  • Compra de mobiliário
  • Substituição de eletrodomésticos avariados e compra de novos equipamentos
  • Aquisição de mobiliário e recheio para o lar
  • Renovação de cozinhas ou pavimentos
  • Mudanças na casa de banho ou outras divisões
  • Preparar um quarto para bebé ou mudar o quarto dos filhos
  • Aumentar áreas da casa e outras obras de beneficiação
  • Edificação de muros e outros espaços exteriores
  • Construção de piscinas, alpendres e outros espaços de lazer
  • Renovação dos eletrodomésticos de casa

Posso ter crédito pessoal para renovação da casa?

Sim, pode ter um crédito pessoal para renovação da casa. Este é um crédito versátil e que pode usar para todo o tipo de obras que deseja fazer. O crédito para remodelações é flexível e pode adaptar o prazo e valor do pedido para conseguir fazer todas as obras que precisa e ficar a pagar uma prestação ajustada à capacidade do seu orçamento mensal.

Quando posso ter um crédito pessoal para obras em casa?

Pode ter crédito pessoal para obras em casa sempre que precisar. Isto significa que pode pedir um crédito pessoal para obras e mobiliário quando planeia fazer a remodelação da habitação e também para emergências, como a rutura de canalizações ou problemas com o sistema elétrico, com o isolamento ou com o telhado da habitação.

Para quem posso pedir um crédito pessoal para obras?

Pode pedir um crédito pessoal para obras em sua casa. O dinheiro do crédito pessoal para renovação e remodelação pode ser usado para obras numa habitação própria e também em casas de férias e outros imóveis que possui.

Quais as vantagens do crédito pessoal para obras e mobiliário?

As vantagens do crédito pessoal para obras e mobiliário são as seguintes:

  • Financiamento rápido e versátil
  • Disponível para diversos projetos e intervenções
  • Juros bonificados na Caixa Agrícola e no Novo Banco
  • Sem necessidade de comprovativos de obras
  • Resposta na hora e aprovação em 24 horas
  • Período de carência no crédito pessoal obras do Novo Banco

Quais as desvantagens do crédito pessoal para obras e mobiliário?

As desvantagens do crédito pessoal para obras e mobiliário são as seguintes:

  • Aumento da sua taxa de esforço
  • Montantes e prazos mais reduzidos que no crédito habitação para obras

Quais as diferenças entre crédito pessoal para obras e crédito hipotecário para obras?

As diferenças entre crédito pessoal para obras e crédito hipotecário para obras (ou crédito habitação para obras) são a rapidez de aprovação, os prazos, valores, juros e garantias sobre o empréstimo. No crédito pessoal os prazos e valores são mais baixos e as taxas de juro mais elevadas, mas este crédito é mais rápido de aprovar e tem menos burocracia porque não envolve garantias nem hipotecas sobre o imóvel.

Como posso pedir um crédito pessoal para obras e mobiliário?

Para pedir um crédito pessoal para obras e mobiliário comece por obter orçamentos das intervenções em casa. Quando sabe o custo das renovações, remodelações ou mobiliário use o simulador de crédito pessoal obras para comparar o crédito em todos os bancos.

Depois de escolher o melhor banco pode fazer o pedido online e enviar os seus documentos pessoais para o banco analisar o pedido e fazer a aprovação do crédito. Esta aprovação demora entre 24h e 72h e depois o banco envia o contrato para assinar. Quando devolve o contrato o crédito obras está concluído e o dinheiro fica disponível na sua conta num máximo de 48 horas.

Quanto posso pedir num crédito pessoal para obras e mobiliário?

Pode pedir entre 2500€ e 75.000€ num crédito pessoal para obras e mobiliário. O BPI e a Cetelem têm os limites mais baixos do crédito pessoal para lar e recheio, de apenas 2.500€, e o Novo Banco tem o limite mais elevado, de 75.000€. Na maioria dos bancos o limite do crédito pessoal para obras é de apenas 50.000€.

Quais os prazos dos créditos pessoais para obras e mobiliário?

Os prazos dos créditos pessoais para obras e mobiliários são entre 3 meses e 84 meses. O prazo mínimo varia de banco para banco (entre 3 meses e 12 meses) mas o prazo máximo é sempre de 7 anos.

O crédito pessoal para renovar a casa tem prazos mais alargados?

Não, o crédito pessoal para renovar a casa tem os prazos máximos de 84 meses no crédito para obras. Estes limites são , idênticos aos do crédito para férias, do crédito pessoal para casamentos e batizados e do crédito multifinalidades.

Posso ter carência de capital no crédito pessoal para obras e mobiliário?

Sim, pode ter carência de capital no crédito pessoal para obras e mobiliário do Novo Banco. O período de carência é de 3 meses nos empréstimos com prazo até 17 meses e o periodo de carência é de 6 meses nos empréstimos com prazo entre 18 e 84 meses. Nos outros bancos não existe carência de capital.

Quanto tempo demora para ter um crédito pessoal de obras e mobiliário?

Ter um crédito pessoal de obras e mobiliário demora entre 24h e 72h depois do banco receber todos os documentos necessários. Este prazo é usado pelo banco para analisar o pedido e verificar se cumpre os critérios de aprovação do financiamento.

Quais as taxas de juro dos créditos pessoais para obras e mobiliário?

As taxas de juro dos créditos pessoais para obras e mobiliário são taxas fixas, com TAN, TAEG e prestação constante, em todos os bancos excepto na Caixa Agrícola. Neste banco pode optar entre taxas fixas e taxas variáveis indexadas à Euribor a 12 meses.

O crédito pessoal para obras tem juros mais baixos?

Não, o crédito pessoal para obras não tem juros mais baixos. As taxas de juro máximas definidas pelo Banco de Portugal são TAEG de 15,6%. No Novo Banco e na Caixa Agrícola pode baixar os juros com taxas bonificadas pela domiciliação de ordenado ou contratação de produtos bancários.

Que banco tem os juros mais baixos no crédito pessoal obras e mobiliário?

O banco com os juros mais baixos no crédito pessoal obras e mobiliário é o Novo Banco, com TAN desde 6,45%.

O crédito pessoal para obras e mobiliário tem comissões?

O crédito pessoal para obras e mobiliário não tem comissões na Cofidis e na Cetelem. Nos outros bancos existem comissões de abertura ou estudo do processo.

Qual o banco com o crédito pessoal obras e mobiliário mais barato?

O banco com o o crédito pessoal para obras e mobiliário mais barato é aquele que tiver a TAEG mais reduzida para o montante e prazo de pagamento definidos. O banco mais barato para pagar remodelações e renovações em casa é diferente nos vários pedidos e por isso é importante fazer a simulação de crédito pessoal antes de escolher o melhor banco

Sou obrigado a fazer seguro no crédito pessoal obras e mobiliário?

Não é obrigado a fazer seguro no crédito pessoal obras e mobiliário. O seguro do crédito pessoal é opcional e serve como proteção em casos de morte, invalidez, desemprego e outros imprevistos.

Que documentos são precisos no crédito pessoal para obras?

Os documentos necessários no crédito pessoal para obras são os mesmos documentos necessários para a maioria dos créditos pessoais. Na lista de documentos de crédito para obras e remodelações, e nos documentos do crédito pessoal, estão os comprovativos de identidade, morada, rendimentos e dados bancários.

É preciso dar ao banco os orçamentos das obras para ter crédito?

Não é preciso dar ao banco os orçamentos das obras para ter crédito. O crédito pessoal para obras não exige comprovativos de despesas para aprovação. A vantagem de entregar as as faturas das despesas efetuadas é a isenção do imposto de selo sobre os juros do crédito.

Como posso enviar os documentos do crédito pessoal obras e mobiliário?

Pode enviar os documentos do crédito pessoal obras e mobiliário online, por email e no homebanking, ou fazer a entrega presencial dos documentos dos créditos para remodelações diretamente numa agência bancária.

Como aprovar um crédito pessoal obras e mobiliário?

Para aprovar um crédito pessoal obras e mobiliário tem de ser maior de idadee residente em Portugal, ter contrato efetivo e cumprir os critérios definidos pelo banco. Os principais critérios do banco para aprovar crédito pessoal obras são cumprir os limites da taxa de esforço do crédito pessoal e também não estar na Lista Negra de Crédito do Banco de Portugal.

Como escolher um crédito pessoal para obras?

Para escolher um crédito pessoal para obras faça a simulação de crédito pessoal e encontre o banco com a TAEG e prestação mais baixas.

O que fazer quando o crédito pessoal para obras e mobiliário é recusado?

Quando o crédito pessoal para obras e mobiliário é recusado por causa da taxa de esforço adicione mais um titular ao crédito ou adapte o pedido (baixe o valor ou aumente o prazo de pagamento).

Se o crédito para obras é recusado por estar desempregado, não ter contrato efetivo ou ter incidentes no Mapa de Responsabilidades de crédito desista do pedido, porque ele vai ser recusado em todos os bancos.

Passos do crédito pessoal para obras e mobiliário

Os passos do crédito pessoal para obras e mobiliário são os seguintes:

  1. Pedir orçamentos das obras ou mobiliário para calcular o valor do pedido
  2. Fazer a simulação de crédito pessoal obras e escolher o melhor banco nas diferentes finalidades de crédito pessoal
  3. Fazer o pedido de crédito e enviar os documentos do crédito pessoal exigidos pelo banco
  4. Esperar pela análise do pedido e obter a aprovação do crédito pessoal para obras, renovação da casa ou remodelação
  5. Assinar o contrato e receber a transferência do dinheiro na sua conta, onde fica disponível num máximo de 48 horas

Pedir Agora Crédito Pessoal

Simular