Como saber se está na Lista Negra do Banco de Portugal?

Como saber se está na lista negra do Banco de Portugal

Conhecida como a Lista Negra do Banco de Portugal, a Central de Responsabilidades de Crédito (CRC), mostra toda a informação negativa e positiva da situação bancária de cada português. Neste artigo, ajudamos-lhe a saber se o seu nome está nesta lista negra e respondemos às questões mais frequentes.

FAQ

Perguntas Frequentes

A Lista Negra do Banco de Portugal é um documento, para consulta pessoal e pelos bancos, que inclui todas as pessoas com dívidas de pagamento de créditos.

Apesar de ser conhecida como Lista Negra do Banco de Portugal, ou Lista Negra do Crédito, o nome oficial é Central de Responsabilidades de Crédito. Por isso, é esse o nome que deve usar para pesquisar no Banco de Portugal por esta informação.

Esta informação está disponível na Área para Clientes do Banco de Portugal. Ela surge na área de Particulares (serviços para o cidadão) da entidade reguladora. Para pedir o seu histórico bancário, deve escolher o mês e ano para a consulta do Mapa de Responsabilidades de Crédito.

Depois de aceder à área de “Particulares” do Banco de Portugal, para ver se está na Lista Negra tem de aceder à Central de Responsabilidades de Crédito. Aqui deve selecionar o ano e mês para consulta e autenticar-se com os dados do Portal das Finanças ou Cartão de Cidadão.

Depois recebe o seu Mapa para consultar. Se nos seus créditos não surgem informações como “vencido”, “em renegociação” ou “em litigio judicial”, todas as dívidas estão regularizadas e não está na Lista Negra.

Se a informação na CRC for negativa (e está na lista negra do Banco de Portugal), os seus pedidos de crédito podem ser recusados. E, como tal, terá mais dificuldade em conseguir aprovação e financiamento de crédito habitação, crédito pessoal ou cartões de crédito.

As situações de incumprimento reportadas no passado continuarão a constar dos registos relativos aos meses em que ocorreram. Mas a partir do mês em que paga elas deixam de ser motivo de inclusão na Lista Negra do Banco de Portugal.

Existem duas formas de não estar na Lista Negra do Crédito:

  • Regularizar as Dívidas, pagando os valores em atraso
  • Renegociar as Dívidas, alargando o prazo ou fazendo um crédito consolidado para deixar de ter incumprimentos

Algumas decisões judiciais apontam para um prazo de 5 anos para regularizar os créditos em atraso. Mas, na verdade, as dívidas de crédito estão registadas no Banco de Portugal por 20 anos.

Este deverá ser reclassificado como crédito renegociado na comunicação ao Banco de Portugal. Só são classificados neste tipo de responsabilidades os créditos que já estiveram em situação de incumprimento.

O que é a lista negra do Banco de Portugal?

A designada lista negra é, basicamente, um documento onde constam os nomes de todos os portugueses que falharam pagamentos aos bancos e entidades financeiras. Ou seja, todas as pessoas com prestações de crédito e cartões em atraso.

A lista negra é da responsabilidade do Banco de Portugal, que recebe mensalmente informações de todos os bancos relativas aos seus clientes. Caso existam atrasos nas mensalidades ou questões similares, os nomes desses clientes são colocados como não cumpridores na Central de Responsabilidades de Crédito.

O resultado de ser incluído na lista negra dos bancos é ter maior dificuldade ou mesmo não conseguir aprovação de novos financiamentos ou cartões de crédito.

O que tem impacto na lista negra do Banco de Portugal?

Para além dos créditos (crédito habitação, os créditos pessoais, o crédito automóvel ou de outro tipo) também se encontram incluídos os plafonds dos cartões de crédito que cada cliente tenha. Mesmo que não costume utilizar o plafond do seu cartão de crédito, este encontra-se no mapa de responsabilidades de crédito. Como tal, tem impacto na avaliação da sua situação.

Na Central de Responsabilidades de Crédito estão todas as pessoas ou empresas que tenham empréstimos superiores a 50€. Como todos os bancos e as financeiras, como a Cofidis, apenas concedem créditos a partir de 500€, basicamente todos os empréstimos estão na CRC.

Por isso, e da mesma forma que sucede com os créditos pessoais, se falhar o pagamento de prestações do cartão de crédito, pode ser incluído na lista negra do Banco de Portugal.

O que me acontece se estiver na lista negra?

Se estiver na lista negra do Banco de Portugal, é praticamente certo que os seus pedidos serão rejeitados. Mas, além disso, há outras consequências de ter passado por essa lista.

Recorde-se que os bancos, além procurarem os nomes na Lista Negra, também acedem no CRC ao historial de crédito quanto um cliente faz novos pedidos de empréstimos. Logo, o seu passado tem impacto em futuros pedidos, já que situações anteriores de incumprimento podem aumentar as taxas de juro que lhe são cobradas ou mesmo levar à rejeição do pedido.

Crédito Pessoal Cofidis
€ 258,62 Prestação
13,0% TAEG
10,10% TAN
Montante €5.500,00
Período 24 meses
Prestação €258,62
TAN 10,10%
TAEG 13,0%
MTIC €6.206,97
  • Sem comissão de abertura;
  • Prazos, taxas e mensalidades fixas;
  • Isento de comissão de amortização antecipada;
  • Seguro de proteção ao crédito (facultativo);
  • Montantes entre 5.000€ a 50.000€ e prazos de 24 a 84 meses.
  • Taxas atualizadas a 15.01.2023

Passo a passo para consultar o cadastro na Lista Negra do Banco de Portugal

Para consultar o seu “cadastro” no Banco de Portugal siga os seguintes passos:

  1. Aceda à página da CRC, no site do Banco de Portugal;
  2. Selecione o período temporal desejado;
  3. Aceite os termos de acesso e carregue em “autenticar e obter mapa”;
  4. Na nova página, faça a autenticação com o cartão de cidadão (o que requer leitor de cartões, software adequado e pin de autenticação) ou com o número de contribuinte e senha de acesso ao Portal das Finanças;
  5. O sistema gera um documento PDF, que é descarregado automaticamente para o seu computador.

A lista de utilizadores de risco (LUR) do banco de Portugal pode ser acedida online, no site do Banco de Portugal.

É necessário fazer autenticação com o Cartão de Cidadão, ou no caso das pessoas coletivas, com as credenciais disponibilizadas pela Administração Fiscal para o acesso ao Portal das Finanças.

Também é possível solicitar a LUR junto do banco no qual se tem uma conta visto que o Banco de Portugal comunica a LUR a todos os bancos.

Estas são as formas de a pessoa descobrir se o seu nome está na lista de utilizadores de risco do Banco de Portugal ou não.

Esta é uma imagem do seu mapa de responsabilidade de crédito e aqui consegue ver todos os seus créditos e se estão regularizados ou não.
lista negra banco portugal
  • Potencial – é um montante de crédito que tens ao seu dispor, mas que não está a beneficiar no momento, por exemplo, no caso do cartão de crédito.
  • Regular – se tiver a pagar os créditos regularmente.
  • Vencido – a linha aparece com um sombreado cinzento, quer dizer que está em falta com pelo menos uma prestação.
  • Renegociado- é o passo posterior ao vencido. Ou seja, houve um atraso de alguma prestação mas o cliente renegociou a sua dívida com a entidade financeira. Uma solução, por exemplo, é o prolongamento do prazo de pagamento.
  • Abatido ao Ativo – já houve renegociação da dívida e o cliente não tem como liquidar o valor.
  • Vencido em litígio judicial – significa que o incumprimento está a ser resolvido em instâncias judiciais.

Perguntas frequentes sobre a Lista Negra

A Comparamais reuniu algumas perguntas frequentes que os clientes mais têm dúvidas contactando alguns bancos que nos indicaram as questões que os clientes por norma têm.

Como sair da “lista negra” do Banco de Portugal

Parece óbvia esta resposta, contudo é bastante mais complicado do que pensa. Existem três formas:

  1. Regularizando a dívida: é o passo mais óbvio, e passa por pagar aquilo que tem em atraso. No entanto, se o cliente não tem dinheiro para o pagamento, pode sempre renegociar ou pedir insolvência.
  2. Renegociar a dívida: se proceder à renegociação da dívida será categorizada como crédito renegociado, na comunicação da entidade de crédito ao Banco de Portugal. Pode juntar um fiador como garantia de pagamento, por ex. ou mudar os termos do pagamento.
  3. Pedir insolvência: é uma situação que demora mais tempo e é mais complexa, já que cria um plano de pagamento de x anos com o Banco.

Quer evitar o risco de ficar na Lista Negra do Banco de Portugal? Opte por juntar todos os empréstimos num crédito consolidado e reduza as suas prestações mensais até 60%.