Diferenças entre cartões de crédito e cartões de débito

Válter Correia

Os cartões de pagamento dividem-se em duas grandes opções, já que é possível escolher entre o cartão de crédito e de débito. Veja quais as grandes diferenças entre eles, quanto custam, que limites existem para a utilização dos cartões de crédito e de débito e os benefícios que tem em cada opção. Saiba ainda que semelhanças existem entre cartões de crédito e cartões de débito, quando usar cada um deles e como escolher entre cartões de débito e de crédito.

Quais as diferenças entre um cartão de crédito e um cartão de débito?

A principal diferença entre cartões de crédito e débito é precisamente a origem do dinheiro que vai utilizar, bem como os juros agregados. As principais diferenças entre cartões de crédito e cartões de débito são as seguintes

  • Cartão de crédito: Tem uma linha de crédito, com um montante autorizado pelo seu banco (por exemplo, 2500€), que pode utilizar para fazer os seus pagamentos. Mas, depois, terá de fazer o reembolso desse dinheiro com juros.
    O cartão de crédito funciona, em parte, como o crédito pessoal. Ou seja, tem dinheiro que é disponibilizado por uma entidade financeira para usar. A diferença é que no crédito pessoal tem apenas um empréstimo com um montante definido, enquanto no cartão de crédito pode ir usando o crédito até ao limite máximo, mas de forma contínua.
  • Cartão de Débito: Apenas pode usar o dinheiro que tem disponível no saldo da sua conta (incluindo a permissão de saldo negativo autorizado em determinadas contas bancárias). Por isso, não tem a liberdade de fazer compras acima do seu orçamento disponível atual.

O que são cartões de débito?

Os cartões de débito são aqueles que estão dependentes do saldo que tem, já que o dinheiro será imediatamente removido da sua conta bancária. Por isso eles não permitem a liberdade de comprar para pagar mais tarde.

Quais as vantagens dos cartões de crédito em relação aos cartões de débito?

A grande vantagem do cartão de crédito em comparação ao cartão de débito é ter um plafond que permite uma grande liberdade de atuação, já que pode gastá-lo numa compra de valor avultado mas também com pequenas compras. Além disso, pode ir amortizando saldo sempre que deseje.

Por exemplo, se precisa de "esticar" o orçamento mensal pode recorrer ao cartão de crédito, optando depois pelo pagamento de todo o valor utilizado quando recebe adicionais ao salário, como os subsídios de férias ou natal.

Os cartões de crédito estão associados a uma conta, como os cartões de débito?

Sim, ambos estão associados a uma conta, mas de forma diferente. No cartão de débito o valor utilizado está sempre associado ao saldo da conta. Mas no cartão de crédito isso já não acontece, porque tem uma linha de crédito para gastar de forma autónoma.

No entanto, existe sempre uma conta associada ao cartão de crédito, à qual será feito o débito direto, no dia escolhido entre cliente e banco, do valor utilizado. A vantagem é que tanto pode ser retirada a totalidade do montante utilizado como apenas uma percentagem do plafond gasto.

Há limites de gastos no cartão de crédito e de débito?

Sim, existem sempre um limite de gastos no cartão de crédito e de débito. No caso do cartão de crédito existe um plafond máximo autorizado, que depois tem de pagar em prestações. Mas no cartão de débito o limite é o seu saldo autorizado. Ou seja, quando atinge o limite do cartão de débito isso significa que, basicamente, não tem mais dinheiro para gastar...

Pago anuidades nos cartões de crédito ou débito?

Só paga anuidades nos cartões de débito ou de crédito nos bancos que não têm isenção destas comissões. Nos dois tipos de cartões de pagamento existem opções com custos e outras em que não há comissão de disponibilização de cartão (conhecida normalmente como anuidade). Mas habitualmente isso acontece de formas distintas.

No caso dos cartões de crédito, os custos mensais ou anuais dependem sempre da sua escolha, já que existem cartões sem anuidades. Mas também há cartões premium (habitualmente os cartões Gold, Platinum ou Prestige) que têm um custo associado.

No caso do cartão de débito, ele é quase sempre disponibilizado sem custos como um produto associado à sua conta bancária. Mas, como se sabe, ter uma conta normalmente significa comissões anuais. Por isso, também terá estes custos associados para ter um cartão de débito.

Pago juros no cartão de débito?

Não paga juros no cartão de débito porque utiliza apenas o saldo disponível na conta. Mas nos cartões de crédito também pode recorrer a modalidades sem juros.

Quando o cliente decide fazer pagamentos a 100% do saldo utilizado no final do mês a maioria dos cartões de crédito também não cobram juros. Além disso, cartões como o Cartão de Crédito FNAC também permitem fazer compras em diversos prazos de pagamento sem juros. Por isso, também há muitas formas de não pagar juros nos cartões de crédito.

Os cartões de débito têm os mesmos benefícios dos cartões de crédito?

Não, os benefícios dos cartões de crédito são exclusivos. Por exemplo, os cartões com cashback devolvem parte do montante utilizado, cartões com pontos de recompensa dão descontos em parceiros e os cartões de milhas aéreas têm programas de fidelização em companhias de aviação e outras vantagens nas viagens.

No caso dos cartões de débito estas vantagens não existem. Trata-se de um cartão que serve, basicamente, para mover o dinheiro que tem na sua conta. Por isso, não tem acesso às recompensas que obtém ao usar o cartão de crédito.

Existe, além disso, uma outra vantagem do cartão de crédito. Trata-se da possibilidade de fazer transferências de dinheiro para a sua conta à ordem. Dessa forma poderá aumentar o seu saldo na conta bancária com recurso à linha de crédito do cartão.

Quais as semelhanças entre cartões de crédito e débito?

As semelhanças entre cartões de crédito e débito estão em determinadas operações que pode fazer, e que são:

  • Pagamentos de serviços: Seja em homebanking, nas Apps ou caixas multibanco, pode utilizar qualquer um dos cartões para pagamentos de compras, serviços como luz e gás ou pacotes de telecomunicações e ainda pagamentos ao Estado
  • Levantamentos de dinheiro: Pode usar cartão de crédito ou débito para levantar dinheiro, sendo esta modalidade conhecida como "cash-advance" no cartão de crédito. Mas há uma diferença... enquanto no cartão de débito tem apenas um limite diário de levantamentos, há um valor máximo de cash-advance que pode ser feito mensalmente. Habitualmente ele situa-se entre os 200€ e os 600€ e tem uma comissão por levantamento.
  • Compras online: Pode usar qualquer cartão para fazer as suas compras online, seja com os cartões físicos ou através da criação de cartões de crédito virtual.
    Mas em caso de fraude com cartão de crédito os seguros associados a vários cartões de crédito garantem maior proteção financeira em pagamentos online;
  • Podem ser usados no estrangeiro: Com a sua ligação às redes de cartões de Crédito Mastercard e de cartões de crédito Visa, tanto os cartões de crédito como os de débito podem ser usados fora de Portugal. No entanto, podem haver países ou serviços onde apenas pode usar o cartão de crédito.

E o que são cartões de débito diferido?

Como indica o Banco de Portugal, o cartão de débito diferido é um "subtipo do cartão de crédito". Ou seja, é um cartão associado ao plafond da sua conta bancária que lhe permite gastar acima do seu saldo disponível, mas que depois terá de ser pago na totalidade na data escolhida.

Ou seja, ele funciona basicamente como um cartão de crédito normal mas sem as opções de pagamento do cartão de crédito parcelados que eles oferecem. Mas a sua maior vantagem é que não são cobrados juros pela utilização desse crédito autorizado.

Devo escolher um cartão de crédito ou débito?

Se pagar com a regularidade exigida o saldo utilizado, o cartão de crédito traz várias vantagens. Mas, se não for usado de forma ponderada, ele causa problemas de pagamento e levar mesmo à inclusão na Lista Negra do Banco de Portugal.

Existem, no entanto, algumas operações em que deve optar preferencialmente pelo cartão de débito. O principal exemplo é o levantamentos de dinheiro com cartão de crédito, já que o cash-advance do cartão de crédito tem habitualmente uma comissão associada. Já nas compras online, a melhor opção é um cartão de crédito com seguro para estes pagamentos digitais.

Descubra agora o melhor cartão

Simular