Fazer um pedido de crédito pessoal – Veja aqui todos os passos até à aprovação

pedido de crédito pessoal

Fazer um pedido de crédito pessoal é algo muito simples e rápido. Agora vamos explicar-lhe todos os passos para conseguir um empréstimo, desde a simulação até receber a aprovação e o dinheiro ser transferido para a sua conta

O crédito pessoal é a principal solução de financiamento para os portugueses. Ele permite, de forma rápida, simples e 100% online, conseguir o dinheiro que precisa para os seus projetos. Quer saber como fazer? Vamos agora explicar-lhe, passo-a-passo, como funciona o pedido de crédito pessoal.

Além de saber todos os procedimentos e documentos necessários, veja também as melhores dicas para conseguir o melhor crédito pessoal e os juros mais baixos. E, além disso, como evitar custos com comissões e outros encargos desnecessários. Leia tudo neste artigo.

Pedido de crédito pessoal – Como fazer

Existem sete fases principais num pedido de crédito pessoal. Elas são as seguintes:

  • Usar um simulador de crédito online
  • Comparar as propostas
  • Escolher a melhor oferta
  • Enviar os documentos
  • Ter o pedido de crédito pessoal aprovado
  • Assinar o contrato
  • Receber o dinheiro na conta

Agora que já sabe todos os passos, vamos explicar-lhe o que acontece em cada uma destas fases.

1. Simular Crédito Pessoal

Para simular crédito pessoal deve indicar o valor que precisa e o prazo de pagamento que procura para devolver o dinheiro. Depois, verifique se o valor das prestações fica dentro das suas possibilidades mensais, para conseguir pagar as mensalidades com o seu ordenado e não passar os limites da taxa de esforço.

Se a prestação estiver muito alta tem duas opções. Ou reduz o valor do pedido ou pede um prazo de pagamento mais alargado.

2. Comparar as propostas

Depois da simulação de crédito pessoal, recebe as ofertas de todos os bancos. E, nessa altura. deve ter atenção aos juros, comissões e custo total do empréstimo. Para saber qual os melhores bancos para crédito pessoal, tenha atenção a:

  • TAEG – São os juros com todos os encargos do crédito, ao contrário do que acontece com a TAN. E, por isso, a taxa anual efetiva global (TAEG) é a taxa de juro que deve verificar em todos os bancos. Quando menor a TAEG, mais baixo o custo do empréstimo;
  • MTIC – O montante total imputado ao consumidor indica todo o dinheiro que vai pagar (empréstimo + juros + comissões + produtos bancários associados). Como acontece com a TAEG, também um MTIC mais baixo significa um empréstimo mais barato;
  • Comissões e Encargos – Veja o que o banco lhe exige para garantir a taxa de juro apresentada. Por exemplo, se tem de contratar seguros de proteção, cartões de crédito ou outros produtos que não entram na prestação, o empréstimo vai ficar mais caro.
    Além disso, veja se o banco cobra comissões de estudo, de abertura do empréstimo ou na cobrança das prestações. Estes encargos também tornam o seu empréstimo mais caro.

Por fim, ao comparar crédito pessoal veja o valor da prestação mensal. Afinal, esse é o valor que tem de garantir que todos os meses consegue pagar ao banco.

3. Escolher a melhor oferta

Se já comparou a TAEG, o MTIC, os encargos e o valor da prestação mensal, só tem de escolher o melhor banco para o seu pedido de crédito pessoal.

4. Enviar os documentos

Quando informa o banco que aceita a oferta de empréstimo, ele exige vários documentos para fazer a aprovação. Para conseguir o financiamento tem de fornecer:

  • Documentos Pessoais – Cartão de Cidadão, contactos e Comprovativo de Morada
  • Comprovativos de Rendimentos – Três últimos recibos de vencimento, nota de liquidação do IRS e declaração da entidade patronal a indicar o vínculo laboral (função e se está efetivo ou é trabalhador temporário)
  • Informação Bancária – Mapa de Responsabilidades do Banco de Portugal e Comprovativo de IBAN

Caso seja um crédito específico, como um crédito automóvel ou um crédito para energias renováveis, podem ser exigidos alguns documentos a comprovar o investimento que vai fazer.

5. Aprovação do pedido de crédito pessoal

Depois do banco ter recebido os seus documentos (pode fazer o envio online), ele valida as informações. E, se tudo estiver correto, tem por fim a aprovação do crédito. Ou seja, o banco garante que o financiamento tem viabilidade e que lhe vai emprestar o dinheiro do empréstimo.

6. Assinatura do Contrato

Com tudo aprovado, o banco enviar-lhe o contrato de crédito pessoal. Neste momento só falta fazer a assinatura digital do contrato (ou numa agência do banco) para tudo ficar finalizado.

7. Receber o dinheiro na conta

Este é o passo final (e mais desejado) no pedido de crédito pessoal. O banco, após receber o contrato, faz a transferência do dinheiro para a sua conta. Normalmente, o dinheiro fica disponível num prazo até 48 horas depois da assinatura do contrato.

Pedido de Crédito Pessoal – Como encontrar a melhor oferta

Para garantir o melhor crédito pessoal, só tem de usar o simulador de crédito pessoal. Dessa forma, pode fazer o pedido de crédito para vários bancos em simultâneo e receber todas as ofertas. Depois só tem de escolher a melhor proposta e tratar tudo online para conseguir um empréstimo mais rápido e fácil.

Agora que já sabe todos os passos para fazer o pedido de crédito pessoal, só tem de carregar na imagem abaixo e seguir estes três conselhos para ter o melhor crédito: Simule, Compare e Poupe!

simulador crédito pessoal