Crédito pessoal para estudantes: como funciona

É cada vez mais comum os estudantes precisarem de financiamento para a sua educação, seja para a universidade ou para algum curso profissional. Neste artigo mostramos-lhe quais são os melhores créditos para estudantes.

Vantagens dos empréstimos pessoais para os alunos

  • Taxas de juro mais reduzidas quando comparadas com outros créditos especializados;
  • Pode optar por não pagar prestações mensais durante os estudos, começando a reembolsar o empréstimo após o término do curso (havendo a possibilidade de se ter um período de carência de capital que varia consoante o empréstimo em questão);
  • Se for um aluno que consiga obter notas altas, pode ser concedido um desconto no seu crédito;
  • Tendo em conta o curso escolhido pelo aluno, pode optar por prestações mensais, trimestrais ou até a liquidação do financiamento apenas no final do curso.

Contudo, quando subscrever um crédito para educação tenha em atenção que alguns apenas disponibilizam o empréstimo se tiver uma conta estudante associada.

Crédito pessoal formação

Empréstimos pessoais limite de idade

Existem alguns aspetos que são essenciais para que seja atribuído um crédito pessoal, um deles é a idade:

  • Cidadania;
  • Residência;
  • Idade mínima de 18 anos;
  • Por norma não existe uma idade máxima. Qualquer pessoa pode optar por um crédito para educação em qualquer idade;
  • Comprovativo de estudante;
  • Salário mínimo ou rendimentos que declara;
  • Situação profissional;
  • Estar inscrito numa Universidade ou Politécnico, público ou privado, nacional ou internacional;
  • Programas de estudo como o Erasmus no estrangeiro também poderão ser considerados para o crédito estudante;
  • Não constar da lista negra do Banco de Portugal;
  • Caso o crédito estudante tenha a possibilidade de redução das taxas de juro de acordo com as notas obtidas pelo estudante, é necessário o comprovativo desses mesmos resultados.

Adultos e jovens: os melhores empréstimos pessoais

Crédito formação da Cofidis

O Crédito Pessoal Formação Cofidis pode ser usado no financiamento da sua formação superior, seja licenciatura, MBA, Pós-Graduação, certificação profissional ou qualquer outro curso lecionado por Instituições de Ensino Superior.

Tem uma taxa muito reduzida: TAN de 3,55% a 5,20% e um prazo de 24 a 120 meses.

É um crédito sem comissões, onde não paga qualquer comissão de abertura, processamento de prestação ou amortização antecipada. O único encargo que terá com o seu Crédito Pessoal formação é a mensalidade.

Conta com financiamento de até 100%, sem necessidade de entrada inicial.

Sem surpresas, com prazos, taxas e mensalidades fixas: para saber sempre quanto vai pagar por mês, o prazo, a taxa e as mensalidades são fixos, mas podem-se ajustar durante o crédito, se precisar.

Seguro facultativo de proteção ao crédito: com o crédito formação da Codifis pode usufruir de um seguro facultativo de proteção ao crédito que cobrirá os seus encargos em caso de necessidades, protegendo-o a si e aos seus.

Crédito formação Santander

O Crédito Formação é um produto do crédito pessoal para Clientes Santander em Portugal.

Crédito Formação é um crédito pessoal criado para quem está ou vai frequentar uma licenciatura, curso superior, pós-graduação, mestrado, doutoramento e/ou curso de formação executiva, tanto em Portugal, como no estrangeiro.

Com este crédito estudante, durante o curso, se precisares, podes pagar apenas os juros (no máximo até quatro anos), o que te permite ter prestações mais baixas durante esse tempo.

Estas são as características principais:

(c) Site oficial do Santander

Pedir o Crédito Formação é tão simples como seguir estes três passos:

  1. Reúne a documentação necessária: irás precisar da tua identificação, informação fiscal atualizada, comprovativo de matrícula, entre outros documentos. Em alguns casos (se não tiveres rendimentos ou precisares de um fiador), será necessária a documentação
    dos teus responsáveis.
  2. Dirige-te a um BalcãoDepois de reunires a documentação necessária, poderás dar início ao processo de contratação do Crédito Formação em qualquer Balcão.
  3. Aguarda pela respostaSe reunires as condições exigidas e se a resposta do Banco for positiva, estás em condições de assinar o contrato. Depois, o montante do crédito pessoal é depositado na tua Conta.

Crédito formação BPI

O BPI propõe-lhe um crédito formação para financiar, em excelentes condições, cursos de Licenciatura, Pós-Graduação, Mestrados, Doutoramentos, outros Cursos de Especialização e Formação Técnica, lecionados por Instituições de Ensino Superior, e Cursos de Piloto de Aviação, em Portugal ou no Estrangeiro, para que não tenha que se preocupar com pagamento de propinas, despesas com computadores ou material informático ou com outras despesas de educação (viagens, estadias e material didático).

O Crédito Formação BPI permite-lhe solicitar montantes de € 1.000 até € 75.000 e são possíveis amortizações totais ou parciais do montante em dívida, sem qualquer penalização.

O BPI ajuda-o a determinar o prazo e a mensalidade mais adequados ao seu caso, podendo optar por períodos de pagamento até 10 anos.

Com o Crédito Formação BPI, poderá beneficiar de uma utilização faseada do capital (se optar por carência), com a mobilização de tranches mínimas de € 450 que lhe permite fazer face às despesas de formação à medida que estas vão ocorrendo.

Neste crédito poderá optar por carência de capital por um prazo de 12 meses ou múltiplo de 12 meses. O prazo máximo da carência correspondente à duração do curso acrescido de 6 meses, com o limite máximo de 60 meses.

Nota: as amortizações antecipadas parciais não podem ser efetuadas durante o eventual período de carência.

Com o Crédito Formação BPI, poderá contar com uma taxa de juro fixa muito competitiva de 3,5%.

Notas

TAEG de 4,4% e Montante Total Imputável ao Consumidor de € 20.458,04, pressupondo que o mesmo tem conta aberta junto do Banco há mais de 30 dias e comissões de abertura de crédito (€ 85 + IS). Mensalidade de  € 184,83 para financiamento de € 17.000 a 108 meses, sem período de carência, com base numa taxa de juro fixa (TAN) de 3,5%. Valores válidos em outubro de 2019. Peça uma simulação junto do BPI para saber todas as condições atualizadas e ajustadas ao seu caso.

Crédito formação CGD

Em Portugal ou no estrangeiro, a Caixa ajuda a financiar a formação. Desde o investimento em currículo académico até às despesas em equipamento informático ou outro tipo de material associado à formação. Tem uma TAEG de 4,8% (Exemplo para um crédito de 20.000 €, com base numa TAN de 3,144%. Euribor 12M (-0,356% em agosto 2019) + 3,500%), com prazo total de 96 meses – 36 meses de utilização + 12 meses de diferimento + 48 meses de reembolso), e uma TAN 5,0% calculada com base numa TAN de 3,000% (Taxa Base Fixa a 5 anos: (0,000%) + 3,000%), em setembro de 2019, para um crédito de 20.000 €, com prazo total de 60 meses (12 meses de utilização + 12 meses de diferimento + 36 meses de reembolso).

Com este crédito formação pode financiar despesas como:

a) Licenciaturas, Mestrados e Doutoramentos em Portugal e no estrangeiro no âmbito do Acordo de Bolonha;

b) Outros cursos: politécnicos, de formação, de especialização ou programas para executivos e MBA, pós graduações, em Portugal e no estrangeiro fora do Acordo de Bolonha;

c) Equipamento informático ou qualquer outro tipo de material associado à formação.

Este crédito tem um prazo de 10 anos, a taxa de juro pode ser indexada à Euribor 12M ou taxa base fixa, entre 2 e 10 anos, acrescida de spread. Até 120 prestações mensais, constantes (de capital e juros). Durante o período de utilização e diferimento as prestações mensais incluirão apenas a componente juros.

Para a proteção dos clientes, a Caixa disponibiliza um pacote de Seguros, em condições vantajosas:

a) Seguro de Vida: garante o pagamento do valor remanescente em dívida, relativo ao empréstimo concedido, em caso de morte ou de invalidez absoluta e definitiva da pessoa segura, por acidente ou por doença;

b) Seguro de Proteção ao Crédito: garante o pagamento das prestações relativas ao empréstimo concedido, em situação de baixa médica ou desemprego involuntário.

Principais vantagens

1. Durante a frequência do curso, e até 1 ano após a sua conclusão, paga só os juros;

2. Possibilidade de escolha entre taxa fixa ou variável;

3. Pagamento de capital após conclusão do curso;

4. Prazos de reembolso alargados;

5. Caso a Escola tenha Protocolo com a Caixa, há ainda lugar a isenção da cobrança de comissão de estudo e de contratação.

Crédito formação Montepio

Financie as despesas de formação até 100% e comece a pagar, apenas, quando terminar o curso. Agora é mais fácil estudar quer seja em Portugal ou no Estrangeiro.

Montante de 2.000€ a 50.000€, uma taxa de juro variável acrescida do spread. Tem um alargado período de carência, ou seja, só começa a pagar depois do curso terminar.

Relativamente ao prazo para pagamento na licenciatura tem até 120 meses para pagamento. No caso de uma pós-graduação, especialização, mestrado, doutoramento, MBA e outros cursos de valorização profissional tem até 84 meses.

Usufrui ainda de um seguro de vida que tem uma subscrição obrigatória, podendo optar por incluir o Plano de Proteção ao Crédito Individual – Acidentes Pessoais.

Crédito pessoal formação

Comentários empréstimos pessoais

Muitas pessoas têm ideias pré-concebidas sobre se os empréstimos pessoais são bons ou se empréstimos pessoais são maus.

Os empréstimos pessoais são uma boa ideia sempre e quando faça um cálculo da sua taxa de esforço e verifique se tem condições para o pagar.

Normalmente os comentários negativos estão sempre associados a testemunhos de pessoas que tenham entrado em incumprimento.

Se quiser saber mais sobre como fazer o pedido online do crédito pessoal, veja aqui.