As melhores dicas para poupar na fatura de luz

Como poupar na fatura energética

Sabia que cada vez que abre o forno gasta 20% de energia e calor, o que tem impacto na sua fatura da luz? Se quer pagar menos, a mudança de fornecedor pode ser o primeiro passo. Mas também pode poupar na fatura de luz mudando hábitos em casa.

Há muitas formas de baixar a fatura da energia. Seja pela troca da empresa, comparando e encontrando preços mais baixos, ou através de passos simples do dia a dia que aumentam a eficiência energética.

A fatura da energia é um dos gastos fixos para quem tem uma casa e contas para pagar. Por isso, quando pretende baixar as suas despesas mensais, é um dos encargos a olhar com mais atenção. Saiba agora como pode começar a poupar na fatura de luz já hoje.

Quer começar a poupar na fatura de luz?

Antes de saber em que equipamentos pode começar a poupar, deverá, em primeiro lugar, verificar o tipo de utilização de equipamentos na sua casa e os seus consumos. Para isso pode ficar a saber quais os eletrodomésticos que gastam mais e, ainda, fazer uma medição em sua casa.

Como?

Os aparelhos de monitorização de energia (smart meters) são instrumentos muito úteis porque medem os consumos, para que saiba exatamente onde e como deve poupar. Por isso, eles ajudam a identificar os equipamentos que podem ter uma utilização mais eficiente.

Por norma, será nesses equipamentos que conseguirá reduzir a sua fatura energética. Além disso, fica registada toda a atividade do equipamento, fazendo um “histórico” da sua utilização ao longo do tempo.

A últia questão é, portanto, onde instalar os smart meters? O ideal será colocá-los nos aparelhos com maior consumo, tais como o ar condicionado.

Como poupar na fatura de luz?

É possível poupar e alterar hábitos um pouco por todas as divisões da casa. Tire partido das particularidades de cada divisão da casa em prol de uma iluminação e aquecimento mais eficientes. As estações do ano têm também características que o podem ajudar a poupar. Damos-lhe algumas dicas.

Na cozinha

  • Abra o forno apenas quando é necessário, pois, cada vez que o abre gasta 20% de energia e calor
  • No frigorífico, ajuste o termóstato a 5 graus e para -18 graus no congelador
  • Utilize uma chaleira para ferver água, é mais eficiente do que aquecer água no fogão
  • Mantenha a temperatura da cozinha entre os 19ºC e os 20ºC.

Na casa de banho

  • Instale uma cabeça de chuveiro ou limitador de caudal para poupar água quente. Uma família de três pessoas pode poupar até um metro cúbico de água por mês e, além disso, poupar na fatura de luz e gás;
  • Feche as torneira sempre que não estiver a utilizar a água. Por exemplo, evita gastar água enquanto passa o sabão pelas mãos. Pode adoptar este hábito de poupança também no duche;
  • Ao instalar uma cabeça de chuveiro e um limitador de caudal, uma família de três pessoas pode poupar até um metro cúbico de água por mês, o que perfaz uma poupança de 45€ na conta

Na sala de estar

  • Pinte as paredes em tons claros, para refletir melhor a luz e tirar partido da iluminação natural;
  • Não cubra os radiadores com mantas ou outros objetos. Regule a temperatura a 22°C e pode poupar até 20% nos custos de aquecimento;
  • Evite deixar a televisão (e outros equipamentos) em modo standby e poupe até 50 euros por ano. Além disso, opte por uma TV LED (precisa até menos 66% de potência);
  • Desligue os dispositivos sempre que não estão a ser utilizados;
  • Use uma extensão de ligações múltiplas com um interruptor (pode poupar até 10% (50€) por ano numa fatura anual de 500 euros);
  • Verifique sempre se os equipamentos eletrónicos têm a etiqueta de energia EU com classificação A. Estes equipamentos são geralmente mais eficientes.
Veja também: Preço da luz desce 6% em julho. Descubra quanto poupa

Outras divisões

Também as divisões pouco utilizadas deverão ter temperaturas entre os 12°C e os 15°C.

Iluminação

  • Opte pelas lâmpadas LEDs, em vez das lâmpadas de halogéneo convencionais. Elas precisam de apenas 1/6 da potência e gastam menos energia;
  • No inverno, abra as persianas e as cortinas para maximizar o aquecimento através da luz solar
  • Verifique se as portas e janelas estão bem isoladas para que preservem o calor no interior da casa. Segundo a EDP, as janelas são responsáveis por 10 a 25% das trocas de calor com o exterior.

Aquecimento

  • Seja cuidadoso com o ar condicionado. Por cada grau centígrado que reduzir na temperatura ambiente está a aumentar em 11% o consumo de eletricidade
  • Escolha ventoinhas para o teto; são mais eficientes do que o ar condicionado e podem ser mais eficazes para arrefecer
  • Mantenha a temperatura dos quartos entre os 16°C e os 18°C – uma temperatura demasiado elevada nos quartos pode prejudicar o seu sono e evitar que consiga adormecer rapidamente.

Lavagens

  • Na máquina de lavar louça e/ou roupa, ou de secar roupa, opte por fazer os programas num ciclo de contagem bi-horário. Pode ajudá-lo a poupar até 20€ por ano.

Poupar na fatura de luz com as energias renováveis

A utilização de energias renováveis é uma opção para quem quer poupar a longo prazo e, ao mesmo tempo, reduzir a pegada ambiental. E uma boa notícia é que o pode fazer sem grandes investimentos. Por exemplo, com a Goldenergy pode escolher planos apenas com energia proveniente de fontes renováveis.

A Associação Portuguesa de Energias Renováveis (APREN) afirmou que mesmo que 2019 foi o ano em que o sector renovável despertou. E em Portugal essa situação foi também realidade, já que 56% da energia produzida no país foi proveniente de fontes renováveis.

A energia eólica é a principal responsável, e em novembro foi atingido o recorde de 103,1 GWh de produção diária. Além disso, em dezembro foi atingido um período de 131 horas em que a energia eólica supriu todas as necessidades de consumo em Portugal, outro registo histórico.

Tudo isto significou uma poupança de 743 M€ em 2019 graças ao uso de eletricidade de fontes renováveis. Além disso, foi evitado o envio de 15 milhões de toneladas de CO2 para a atmosfera.

LEIA TAMBÉM:

Certificado Energético: saiba o que é e como deve obter o seu

Goldenergy Campanha 20+20 Eletricidade

Energia Renovável Débito Direto Fatura Eletrónica Poupe até 20% na eletricidade
Estimativa/ano € 495,42
Você poupa/ano € 31,27
Características Principais
  • 20% de desconto na potência contratada, caso seja para a tarifa simples
  • No caso da tarifa bi-horária é aplicado o desconto de 10%

A realidade portuguesa

Segundo dados recentes da Comissão Europeia, um em cada cinco portugueses alega não ter dinheiro para manter a casa quente. Estes números representam 20,2% da população, colocando Portugal bastante acima da média da UE, que se encontra nos 7,8%.

A Comissão Europeia lançou em 2018 o Observatório da Pobreza Energética, através do qual vai recolher dados sobre este fenómeno, ao mesmo tempo que contribui para alertar e formar os cidadãos.

Outra forma de conseguir poupar é comparar as várias ofertas disponíveis no mercado. O simulador de eletricidade e gás da Comparamais ajuda-o a encontrar a melhor solução para o seu consumo de energia e a poupar na fatura da luz, tendo em conta as características da sua habitação.

Nunca pensou que com ações simples e diárias pode estar a fazer uma diferença enorme na sua fatura da luz? Não perca mais tempo e começa já a poupar.

LEIA MAIS:

Quer mudar de fornecedor de energia e não sabe como? Veja o que pode fazer

Luz e gás: os preços aumentam ou descem em 2019?