Viagens: 8 dicas para comprar bilhetes de avião mais baratos

Seja na Primavera, no Verão, no Outono ou no Inverno, dependendo do seu gosto e do destino de férias para onde deseja ir, qualquer altura do ano é boa para planear as suas viagens. 

Certamente já lhe aconteceu consultar preços de viagens num dia e depois no dia seguinte estarem mais caros ou em alguns casos mais baratos. Estas descidas e subidas de preços podem dar-se devido a vários fatores do qual o consumidor não consegue controlar. Contudo, existem alguns truques que o podem ajudar a reduzir o preço do bilhete da sua viagem. 

Segundo o site americano da agência de viagens CheapAir.com, deve comprar o seu bilhete 47 dias antes de viajar. Este dado baseia-se numa análise feita pela mesma companhia que analisou mais de cinco milhões de voos. 

8 dicas para comprar o seu bilhete de avião mais barato

Limpe os cookies do seu browser

Os sites de viagens e das companhias aéreas filtram e controlam as suas pesquisas e ações no site. Quantas mais pesquisas fizer, maior é a probabilidade de aumentar o preço dos bilhetes. Isto também é válido tanto para bilhetes de avião como para os hotéis;

Não refresque o site quando está a pesquisar um voo

Se o fizer irá contribuir para que os preços aumentem. A isto chama-se preço dinâmico. Dessa forma, apague sempre o seu histórico no browser para dar a ideia de ser uma nova pesquisa;

Terças, quartas e sábados são os dias mais baratos

Fora das horas de ponta, estes são os dias da semana em que viajar fica mais barato. Contrariamente, se viajar ao fim de semana os preços ficam mais caros, visto serem os dias da semana com mais procura;

Compre com antecedência

CComo referimos anteriormente, deve comprar o seu bilhete 47 dias antes de viajar. Normalmente, os preços dos bilhetes sobem duas semanas antes da partida, devido ao facto de haverem menos lugares disponíveis no avião. Por exemplo, em época alta de férias, como o mês de agosto, deve reservar o seu bilhete de avião até ao final de abril;

Viajar ao final do dia, entre as 18h e a meia-noite ou de madrugada

Talvez não tenha essa noção, mas viajar ao final do dia ou logo de manhã cedo, entre as 6h e as 8h da manhã será também uma boa opção para conseguir preços mais baratos. Pode conseguir uma redução no seu bilhete de até 6% comparativamente com os outros períodos horários do dia;

Descole a partir de outros aeroportos

O preço depende sempre do local de origem e do destino do seu voo. Se vive na Europa e viaja para algum país europeu, não será o mesmo que viajar para outro país de outro continente. A maioria dos voos de longo curso não saem diretos de Lisboa, costumam fazer escala em outros países.  Dessa forma, às vezes justifica apanhar o voo em Madrid ou em outros aeroporto perto de Portugal, ou seja, procurar separadamente um voo low cost de Lisboa para Madrid ou para outra cidade. Acaba por fazer escala na mesma, mas será uma escala curta, onde pode controlar o preço e o horário que quer ir. Por vezes, as escalas que determinada companhia aérea faz não é a mais adequada para si, seja a nível de preços ou de disponibilidade horária. Se fizer a sua própria escala, comprando dois bilhetes à parte, em vez de ser só um duma companhia, pode compensar-lhe mais;

Compare preços

Utilize sites como o skyscanner, edreams, idealo, rumbo e momondo que lhe fazem essa comparação de preços. Depois de verificar quais são as companhias aéreas mais baratas, vá ao site da companhia aérea e veja se lhe compensa reservar diretamente com a companhia de aviação ou com estes sites que fazem comparação de voos. Por vezes, os sites de comparação de preços de viagens podem cobrar-lhe taxas adicionais ao valor do voo e por vezes pode não compensar comprar nesses sites e sim diretamente na companhia aérea. Eliminar o intermediário por vezes pode significar poupar mais dinheiro;

Subscreva as newsletter’s

Não gostamos de ter o nosso e-mail cheio de publicidade, mas em algumas situações pode compensar. Se subscrever a newsletter de várias companhias aéreas irá receber diariamente promoções de viagens. Às vezes pode nem estar a planear viajar e ao ver uma promoção, pode mudar de ideias;

Como é que deve utilizar o cartão de crédito nas suas viagens?

Para comprar bilhetes de avião online, pode optar por pagar com cartão de crédito, paypal ou com um cartão dual de débito e de crédito. Para além de usar o cartão de crédito como forma de pagamento, existem mesmo cartões de crédito específicos que lhe dão milhas aéreas e têm parcerias de desconto com várias companhias aéreas.

A Comparamais ajuda-o a perceber quais são os melhores cartões de crédito para quem quer viajar:

  • Cartão Best Gold Visa: permite receber milhas, através da utilização do seu cartão de crédito: 100 milhas TAP Victoria em compras a crédito no valor mínimo de €200. Dá-lhe descontos e promoções do Best Card Club, nomeadamente em hotéis, viagens, tecnologia (Cabovisão, Vodafone, etc.), entre outros. É um cartão dual, pode ser usado a débito e a crédito;
  • Cartão Miles & More Gold: cartão de prestígio com programa de milhas aéreas da CGD. Acesso a 100 milhas mensais adicionais para cada extrato igual ou superior a €500. Oferta de 3.000 milhas na adesão. Pacote de seguros com coberturas específicas para deslocações e viagens;
  • Cartão Millennium BCP Platinum: permite-lhe usufruir de condições especiais e descontos em lojas, hotéis, restaurantes, aluguer de automóveis, entre outros, de todo o mundo, apenas por ser titular de um American Express;
  • Cartão Millennium BCP TAP Classic:  a adesão aos cartões TAP Classic permite a inscrição no Programa Victoria, beneficiando das milhas de voo e das milhas provenientes de outros parceiros do programa. Recebe milhas pelas compras efetuadas com os cartões TAP, por cada euro em compras recebe 1 milha (cartão Visa) ou 1,25 milhas (American Express). Ao aderir, recebe de imediato 1.000 milhas. Pela subscrição de um segundo titular, recebe 500 milhas;
  • Cartão TAP Gold: oferta de adesão até 12 500 milhas e, a partir daí, ganha 1,5 milhas por cada euro gasto com o cartão American Express e 1 milha por cada euro gasto com o cartão Visa; 
  • Cartão TAP Fly+: ao aderir ao cartão TAP FLY+ poderá receber até 2.000 milhas: oferta de 1000 milhas na emissão do cartão + 1000 milhas com a 1ª compra efetuada com o cartão. Por cada euro acumula 1 milha de bónus Victoria que pode trocar por viagens e inúmeras ofertas em qualquer um dos parceiros Victoria. Possibilidade de fracionamento das viagens TAP automaticamente em 3x sem juros. Válido para compras realizadas na TAP de valor igual ou superior a €300. A comissão de utilização deste cartão no estrangeiro é de 2,7%. Recebe 5.000 milhas para si por cada amigo seu que aderir ao cartão. Para aderir ao Cartão TAP FLY+ não tem que mudar de banco ou abrir uma nova conta, mantendo assim a sua independência bancária;
  • Cartão Miles & More Classic: programa de fidelização de milhas aéreas, que acumula 5 milhas por cada €5 gastos. Oferta de 3.000 milhas na adesão e de um pacote de seguros com coberturas específicas para deslocações e viagens;
  • Cartão TAP Platinum: acesso a benefícios exclusivos, sempre que viajar em voos operados pela TAP, independentemente da classe em que viaja, incluindo descanso em VIP Lounges, entre outros. Na adesão ao TAP Platinum fica inscrito no Programa Victoria, ganhando 2 milhas por cada euro gasto, para utilizar em voos ou na rede de parceiros TAP. Oferta de 8.000 milhas aéreas na subscrição do cartão. Recebe 4.000 milhas na renovação do cartão. Recebe 1.000 milhas por cada €5.000 acumulados em compras com o cartão. Tem uma comissão de utilização no estrangeiro de 3%;
  • Cartão Santander Mundo 123: permite acumular 1,5 milhas por cada euro que gastar com o cartão, podendo ser utilizadas em qualquer companhia aérea desde que tenha disponibilidade de lugares na data pretendida. Condições privilegiadas e descontos na Europcar, tanto em Portugal, como no estrangeiro. A comissão de utilização no estrangeiro é de 3%;
  • Cartão Santander Sata Blue: por cada euro em compras e em levantamentos a crédito acumula 1 milha e pode trocá-las por bilhetes de avião na Companhia Aérea SATA Azores Airlines. Atribuição de 2.500 milhas no momento em que adere ao Cartão SATA Blue. Inclui um pacote de seguros para usufruir das suas viagens, com mais tranquilidade. A comissão de utilização no estrangeiro é de 3%. Possibilidade de utilização como Cartão de Débito em Portugal e como Cartão de Crédito em território nacional e no estrangeiro;
  • Cartão Halcon: compatível com todos os bancos, pelo que pode continuar a usar o seu banco de sempre. Tem uma comissão de utilização no estrangeiro de 2,7%.

Se estiver a planear as suas férias que incluam comprar bilhetes de avião para destinos caros, fazer um crédito pessoal também pode ser uma boa opção. Não precisa de usar cartão de crédito se não quiser subscrever, pode sempre fazer um crédito pessoal online para uma determinada quantia. A Comparamais fez uma seleção de créditos pessoais que lhe podem interessar para comprar as suas próximas férias:

  • Crédito férias Credibom: dê asas às suas ambições. Faça check-in com o Crédito Férias e dedique-se apenas a escolher o destino. Tem uma TAN desde 7,10% e uma TAEG desde 12,49%. Financiamento até 10.000€. Flexibilidade na escolha da data do débito da prestação. Sem comissão de abertura de contrato. Prazos de 12 a 36 meses;
  • Crédito Pessoal Cofidis: financiamento para qualquer finalidade, sem necessidade de comprovativos. Processo de contratação de empréstimo online. Prestações constantes e com taxa de juro fixa. Isento de comissão de processamento da prestação. Prazo, taxa e mensalidades fixos. Permite saber quanto e quando vai pagar pela sua mensalidade. Isento de comissão de amortização antecipada. Seguro de proteção ao crédito (facultativo), com possibilidade de inclusão no financiamento. Pode usar montantes entre 1 000€ a 50 000€ e prazos de 1 a 10 anos;
  • Crédito Pessoal do Cetelem: crédito sem finalidade específica, pode utilizar para as férias como também em remodelações, mobiliário, festas ou cerimónias, informática, entre outros. Pré-aprovação online e imediata. Montantes entre os 2 500€ e os 50 000€ e prazos de 12 a 120 meses.

Qual é o dia da semana com os voos mais baratos?

A época baixa das várias regiões do mundo pode variar, por isso informe-se a que período corresponde no país para onde quer viajar. Nessa altura, os voos serão certamente mais baratos.

Geralmente, os dias úteis têm os voos mais baratos, sendo que terça-feira é o dia da semana mais barato para viajar na Europa. Em viagens para o resto do mundo, quarta-feira parece ser o dia mais barato para voar. -se como o dia com voos mais baratos.

O mesmo acontece com o alojamento, caso pretenda reservar um hotel ou uma estadia em alojamento local. Na Europa, as reservas feitas com um ou dois meses de antecedência podem permitir-lhe poupar até 40%.

Qual a melhor altura para reservar uma viagem barata?

As viagens low cost vieram revolucionar a forma como se viaja de avião, principalmente na Europa. Hoje, é possível viajar de Lisboa para o Porto, ou para outro país da Europa, quase ao mesmo preço. Se reservar com antecedência aumenta as probabilidades de conseguir poupar quase metade do preço de uma reserva em cima da hora.

Os destinos mais populares da Europa, como Paris, Londres ou Barcelona, têm preços muito apelativos. Para garantir o preço mais baixo, o ideal é comprar o bilhete com o mínimo de dois meses de antecedência.

Se procura um voo intercontinental deverá organizar-se com mais tempo. Se quiser poupar nestas viagens deverá reservar o voo com mais antecedência, consoante a localização do seu destino. Por exemplo, se está a planear viajar para o continente asiático deverá reservar, no mínimo, com oito meses de antecedência.

Como poupar dinheiro enquanto viajo?

Conseguir os voos e a estadia a um preço acessível não são, por si só, uma garantia de que a sua viagem vai ter um baixo custo. O primeiro passo é fazer um orçamento, tendo em conta os locais que quer visitar e os planos que tem para a sua viagem. Ter uma previsão dos gastos e ser organizado vai ajudá-lo a não perder o controlo do dinheiro que tem disponível.

Há formas de conseguir reduzir os gastos durante as suas férias ou durante a sua viagem de sonho. Damos-lhe algumas dicas.

• Planeie os gastos durante toda a viagem
• Partilhe os gastos (se for possível)
• Aproveite as refeições dos hotéis/alojamento local
• Faça mais refeições em casa
• Utilize pacotes turísticos
• Evite as zonas mais turísticas (são as mais caras)
• Informe-se com os locais
• Usufrua de descontos de estudante, jovem ou idoso
• Regateie os preços (se for possível)
• Não se prolongue nas visitas
• Opte por hostels ou guesthouses
• Não utilize o cartão de crédito
• Utilize o wi-fi sempre que possível
• Evite os transportes sempre que for possível
• Opte pelo comércio local

Se está a pensar viajar, seja flexível com datas, pois assim poderá encontrar voos mais baratos. Explore sites como o Skyscanner ou o eDreams para simular o preço dos voos, em qualquer data, com e sem escalas. Verifique sempre as características da sua viagem no site oficial das companhia aérea correspondente ao seu voo e não se esqueça de verificar quanto cobram pela bagagem de mão ou de porão.  

Não perca mais tempo e faça as suas férias de sonho. Se não tiver disponibilidade financeira recorra a um crédito pessoal para férias ou a um cartão de crédito que lhe dão sempre jeito. Para além disso, tenha em conta as dicas de que lhe falámos anteriormente para poupar na compra dos bilhetes de avião. 

VEJA TAMBÉM: Precisa de fazer compras online e não sabe como? Veja como escolher o seu primeiro cartão de crédito

Saiba como escolher o melhor lugar num avião